Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


António Machado decide ser... Professor

por Blogs Zé Consciência, em 08.01.14

 

Locutor: Temos connosco o senhor António Machado, que vem dar o seu testemunho sobre este problema que tem afetado certas pessoas que querem ser professores. Senhor António Machado, o senhor foi professor durante quanto tempo?

António Machado: Muito boa tarde. Olhe, isto começou há coisa de 3 anos quando comecei as minhas aulas autodidatas de medicina. Muitos dos meus pacientes vinham com os filhos ao meu consultório e eu comecei a reparar que lhes ensinava pequenas coisas, como os nomes dos músculos, para que serviam, etc.

L: Pois, começam-se de pequenas coisas.

AM: Exato. E de dia para dia sentia vontade de ensinar cada vez mais coisas. Uma vez tentei ensinar o alfabeto a uma criança e a mãe puxou-a dali com muita força antes que ela podesse aprender mais letras.

L: E o que fez a senhora?

AM: Ela fez queixa de mim à policia, a dizer que eu estava a tentar ensinar o filho dela e que isso era um absurdo porque essa função era dela e do Google.

L: Mas depois conseguiu abandonar esse vício de querer ensinar?

AM: Não, eu depois de abandonar a medicina fui ao fundo. Montei uma escola clandestinamente e ainda cheguei a receber 10 alunos.

L: 10? Tantos?! Mas os pais das crianças não souberam?

AM: Aquilo não era por mal...

L: Pois, nunca é por mal! Mas as leis abuliram a profissão de professor em 2015 por alguma razão.

AM: Eu sei que o que fiz não foi correto, e isto de querer ser professor arruinou a minha vida.

L: Como é que conseguiu ultrapassar esse vício?

AM: Bem, como deve imaginar, quando as crianças chegavam a casa a saber mais que os irmãos mais velhos e até alguns pais, eles começaram a desconfiar que havia um professor a ensinar os meninos. Um dia durante uma aula de matemática, houve uma rusga e levaram-me as secretárias todas, o quadro e todos os livros e documentos que tinha. Fui julgado e puseram-me num centro de reabilitação.

L: Como tem sido a sua vida desde que saiu da reabilitação?

AM: Evidentemente que tive de sair de Almada. Vim morar para Peniche onde arranjei trabalho num restaurante. Cá ando, melhor e finalmente livre daquele terrível vício.

L: Fico feliz por saber isso. Obrigado Senhor António Machado, por ter tido a coragem de expor a sua situação aqui na nossa rádio.

AM: Com certeza, uma boa tarde.

 

Música do Dia: Macklemore & Ryan Lewis (feat. Wanz) - Thrift Shop (2012)

 

Fonte da imagem, clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:46



No final do dia, sobra sempre uma ideia para conversar e refletir. Zé Consciência

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Canal Youtube Zé Consciência


Comprem aqui o álbum Mar (Hino À Esperança) EP


Comprem aqui o álbum Vozes do Interior EP


calendário

Janeiro 2014

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Visitantes


Crónicas Videojogos