Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Poema: Fantasia (Parte 3)

por Blogs Zé Consciência, em 16.01.14


 

Está aqui o refrão e o interlúdio da música Fantasia.

Posteriormente irei produzir o instrumental.

Espero que gostem!

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 

O teu olhar quebrou, e nada de mim restou

E a questão prevalece, será real quem eu sou?

Será que és quem eu sinto? Um espetro de mim.

E a questão prevalece, serás real no fim?

 

Tens a beleza que eu escolhi,

Um símbolo, uma marca, de todos os meus desejos.

O amor personificado, que me deixa petrificado,

num estado para além de tudo o que sou.

Adormeci sozinho e passei a noite acompanhado.

Como surgiste? De onde vieste? Serás uma miragem do passado?

Não posso viver encurralado no meu próprio sonho.

Serás sempre a fantasia que vive em mim.

 

Parte 1
Parte 2

 

Música do Dia: Crazy Town - Drowning (2002)

 

Fonte da imagem, clique aqui

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:09


3 comentários

De Artur Santos a 16.01.2014 às 23:15



Vou esperar pelo que se segue.Este poema está perfeito,para o meu gosto.

Um bcdv.

De Blogs Zé Consciência a 16.01.2014 às 23:42

Obrigado avô!

beijo cá da criança

De Artur Santos a 17.01.2014 às 23:17



Cá espero a composição musical.
um bcdv.

Comentar post



No final do dia, sobra sempre uma ideia para conversar e refletir. Zé Consciência

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Comprem aqui o álbum Mar (Hino À Esperança) EP


calendário

Janeiro 2014

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Visitantes


Crónicas Videojogos